Embutidos, tudo farinha do mesmo saco.

Por Nadia Cozzi 24/11/17

Imagens: Pixabay

Companhia perfeita de várias delícias como pão, pizza, lasanha e porque não aquele aperitivo do fim de semana com os amigos? Mas, e sempre tem um mas, o que eles representam quando o assunto é

comida saudável?

Mortadela, presunto, salame, chester, blanquet, copa, peito de peru, opa! Peito de peru é mais saudável não? Não! É tudo farinha do mesmo saco.

Em 2015 a Organização Mundial da Saúde (OMS) classificou as carnes processadas e embutidos no mesmo patamar de tabaco, bebidas alcoólicas e radiação em relação ao risco de câncer que oferecem.

Um coquetel de aditivos químicos como glutamato monossódico, aromas artificiais, espessantes, corantes e conservantes dos mais diferentes tipos fazem parte da composição dessas “delícias”. E mesmo o ser humaninho mais desavisado, hoje em dia sabe que tudo isso faz um mal danado para a saúde.

As carnes são consideradas alimentos de vida curta, estragam facinho, por isso, precisam desse monte de química para conservarem o sabor, o aroma, a cor e especialmente o tempo de prateleira. Desnecessários do ponto de vista nutricional, mas essenciais para as indústrias de alimentos - Quanto mais duram, mais lucro trazem.

Claro que isso tem um preço, para nós consumidores, é claro: alergias, doenças crônicas, câncer em especial. Sem esquecer, é claro, das intoxicações ou infecções alimentares, comuns quando os frios estão contaminados por bactérias.

Aqui cabe um alerta, você controla se as geladeiras do supermercado estão na temperatura correta abaixo de 5°C? E a higienização dos atendentes, fatiadores e utensílios?

Exagero? Pode ser, mas as consequências são no mínimo desagradáveis: vômitos, diarreias, dores musculares, fadiga, etc.

Patês, queijos, carne assada, ovo, frango e peixes são boas opções para sanduíches e aperitivos, e com certeza uma boa economia em custos e aditivos químicos, além da variação de sabores que só vão depender da sua criatividade.

Para sua informação: Guia básico dos embutidos

Comentários

  1. .. bom dia Nadia!
    .. concordo com você, este embutidos, alimentos ultraprocessados deveriam vir com uma tarja preta nos seus rótulos, informando os perigos sobre o seu consumo.

    .. saudações
    .. guidølunardini

    ResponderExcluir

Postar um comentário