Fondue de Inhame da Sônia Hirsch

Estou tendo o prazer de ler  Paixão emagrece, Amor engorda da minha querida Sonia Hirsch.

Uma leitura deliciosa e com receitas mais que deliciosas, saudáveis e práticas, pois como ela diz tem
muitas coisas gostosas na vida, cozinhar é uma delas, mas tem outras.

Suas sábias palavras referindo-se às suas receitas: "Todas de cozinheira preguiçosa, que não fica na cozinha 50 minutos se pode ficar 45. Meu prazer em lidar com vegetais, água, faca e fogo é imenso, mas e os livros? E as outras coisas boas da vida?"

Ela também ressalta que pratos simples qualquer pessoa pode cozinhar, e esses sempre foram meus lemas na cozinha, tanto é que meu primeiro livro Consciência na Alimentação traz 100 receitas que vão do aperitivo à sobremesa feitas todas no liquidificador, meu eletrodoméstico favorito, imprescindível e a melhor invenção do Universo, rssss.

Agora quando ela escreve sobre um fondue de inhame, que eu acho um coringa e tanto na cozinha, que diga o sorvete de inhame que eu sempre faço e que é sucesso, não poderia deixar de dividir essa informação com vocês.

Então lá vai: Você lava e cozinha os inhames, calculando de 2 a 4 por pessoa, dependendo do tamanho. Quando estiverem macios, espete um garfo para sentir, leve à mesa, onde já estarão à espera vários potinhos de molho:

  • azeite com shoyu e orégano
  • cebola no molho de shoyu
  • pasta de alho com manteiga
  • mango chutney
  • rabanetes com azeitonas temperadas
  • manjericão socado com azeite e alho
  • iogurte com hortelã e páprica picante
Acompanhando tudo isso uma boa salada crua: alface, rúcula, tomatinho, rabanete, cenoura ralada e brotos.

Agora vem a melhor parte: as pessoas vão tirando os inhames das cascas ( é só partir no meio que elas soltam com a maior facilidade) e comendo com um pouquinho de cada molho. E ela ainda desafia, rsss
" E molho, vamos e venhamos, todo mundo sabe fazer. Ou não?"



Quer saber mais sobre o inhame?

O inhame é um rizoma rico em carboidratos sendo uma excelente fonte energética. Também é rico em vitaminas do complexo B e sais minerais como cálcio, fósforo e ferro. É de digestão fácil e rápida.
Rico em amido, carboidrato, fonte de beta-caroteno, vitamina C, vitaminas B1 (importante no crescimento das crianças) e B5 (auxilia o sistema imunológico). Contém minerais, cálcio, fósforo e ferro. O inhame é um alimento especialmente recomendado na prevenção de doenças como dengue, malária e febre amarela. 

Desintoxicante e depurativo, o inhame apresenta propriedades medicinais que lhe atribuem o nome de remédio em alguns países do oriente, sendo recomendado para o tratamento de doenças como reumatismo, artrite, ácido úrico, inflamações em geral, viroses e micoses.
O inhame limpa o sangue, fazendo sair todas as impurezas através da pele, dos rins, dos intestinos; fortifica os gânglios linfáticos, no tratamento de cólicas espasmos musculares, asma. As suas propriedades Antiespasmódicas e antiinflamatórias tornam-o útil para tratar cãibras no estômago. 

O inhame possui ainda a propriedade de restaurar e manter o sistema imunológico saudável e resistente. Na África, foi constatado que o inhame é responsável pelo aumento da fertilidade das mulheres que o consomem habitualmente.

Além de alimento, devido suas propriedades citado acima, principalmente por ser desintoxicante e depurativo, o inhame tem sido muito usado na cura de diversas doenças, entre elas o reumatismo, artrite, ácido úrico, inflamações, todas as infecções (furúnculo, quistos sebáceos, espinhas, unha encravada, hemorróida, sinusite, apendicite), viroses e micoses.

Auxilia nos males da T.P.M., por conter a vitamina B6 (que também reduz o risco de doença cardíaca), onde alivia os sintomas e regula o fluxo menstrual.

Os hidratos de carbono e a fibra do Inhame retardam a taxa com que os açúcares são liberados e absorvidos pela corrente sanguínea, com isto, controlando o açúcar no sangue. O Inhame é uma boa fonte de potássio, um mineral que ajuda a controlar a pressão arterial.

No Nordeste brasileiro, costuma-se comer o inhame ou o cará cozidos e com um pouco de mel ou melado no café da manhã.  

O inhame descascado é branco e tem uma consistência muito firme, mas após ser cozido fica com um tom levemente azulado e torna-se macio.






Comentários

Postagens mais visitadas